FANDOM


Na Idade Média
Temporada 7, episódio 8
Winx164
Informação do episódio
Nº de episódio total 164
Flag_IT.png Estréia (Itália) 24 de setembro do 2015
Small-en-us.png Estréia (EUA) 31 de janeiro do 2016
Flag_PT.png Estréia (Portugal) 8 de novembro do 2015
Outros nomes
Nome em italiano Ritorno al medioevo
Nome em inglês (EUA) Back In The Middle Ages
Sucessão de episódios
Anterior
Cuidado com o lobo
Seguinte
O gato fada
Lista de episódios

Na Idade Média é o episódio 8 da temporada 7 da série Clube Winx e o episódio 164 em total. Estreou-se em 24 de setembro do 2015 na Itália.

Argumento Editar

O episódio começa em Alfea, onde Flora e Layla tentam que Squonk e Amarok se tornem em amigos entre si. Ao princípio parece que têm sucesso, mas depois Squonk vê os dentes de Amarok e assusta-se. Hélia e Nex dizem que os animais mágicos não deveriam estar em Alfea, e Nex faz chorar Squonk. E Amarok começa a destroçar tudo. Os especialistas também não ajudam. As Winx reúnem-se, porque Roxy quer-lhes falar.

Na habitação de Roxy, ela comenta-lhes que durante a Idade Média, na Terra existia um animal chamado plumagato. Elas acham que pode ser o animal com a primeira cor do universo, e então as Winx decidem activar as suas pedras das lembranças e com elas viajam ao passado da Itália, durante a Idade Média.

Uma vez ali, encontram cartazes de “Na procura” em qualquer local, com a imagem do plumagato. O gato aparece e sai correndo porque está a ser perseguido por três soldados, mas eles perdem-no. As raparigas, que estão escondidas, querem salvar ao plumagato. Então as Winx transformam-se nas suas formas Butterflix, e começam a procurar o gato. Quando o gato chega a uma emboscada, tenta assustar aos soldados.

O capitão decide capturar ao gato, mas ele lança petiscos aos soldados. Então as Winx encontram-se aos soldados, e eles ficam surpreendidos por verem fadas. Eles comentam-lhe que há um decreto, que diz que todos os seres mágicos estão a ser procurados para serem encarcerados. Em consequência, também inclui as raparigas, mas os soldados assustam-se e fogem. O plumagato desaparece e as raparigas seguem procurando-o.

Enquanto isso no presente, na gruta de Kalshara, Brafilius vê que a sua Pedra das lembranças se alumia, e Kalshara diz que se alumiou porque as Winx viajaram ao passado, e ele tentá-las-á seguir, mas no vórtice do tempo perde o cadeirão que o levará ao passado, então ele utiliza o seu chapéu para voltar ao cadeirão e viaja ao passado.

Na Idade Média, Musa na sua procura encontra-se com Orlando, um trovador e a sua equipa de teatro. Eles estão a planear um espectáculo com seis fadas, mas carecem de pessoal suficiente e não sabem como realizar a peça. Então os soldados vêm falar com eles, e um da equipa apresenta-se. Mas os soldados dizem que há criaturas mágicas e eles têm de abandonar a floresta. Musa está a escutá-lo.

Os soldados falam do gato, dizendo que é perigoso. Os trovadores propõem aos soldados unir-se à sua equipa, mas o capitão nega-se e decidem voltar à aldeia. Quando os soldados vão-se embora, Orlando diz que o gato não é perigoso porque o conhece, e Musa também se dá conta de que Orlando tem informação do plumagato: quando Orlando era criança, ele sempre vinha ver-lhe quando cantava a sua canção.

Musa regressa com as Winx, e informa-lhes que encontrou a pessoa que lhes ajudará. As Winx, nas suas formas normais, irão falar com a equipa de teatro. Enquanto isso, os trovadores estão a ensaiar a sua obra de teatro, mas o seu asno come-se o guião. Agora não sabem o que podem fazer, mas então as Winx vêm ajudar-lhes. Orlando fala com Musa, e diz que as ajudará com o que quiserem. Mas o líder da equipa diz que elas terão de colaborar na sua obra. As Winx aceitam, e vão em direcção à aldeia.

Factos importantes Editar

  • Critty conhece a Musa.

Personagens Editar

Dados interessantes Editar

  • Neste tempo as Winx não podem fazer magia à frente das pessoas, pois a magia era muito confundida com a ciência, nessa altura.
  • Numa cena podemos ver Critty com olhos negros em vez de verdes.

Imagens Editar

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.